Poros Dilatados: Como tratar

1 jul

Meninas a minha amada Dermato Dra Marcela Studart voltou com as dicas quentíssimas aqui no Blog, e dessa vez ela fala de um assunto que me incomoda bastante, e acredito que vocês também já passaram ou passam por isso: Poros Dilatados. Mas tudo tem solução, vem ver o que ela diz sobre o assunto:

produtos-pele-poros-dilatados-excesso-oleosidade

Embora as queixas de poros dilatados sejam mais comuns durante o verão, pois devido ao calor, há um aumento da produção sebácea, pacientes com pele oleosa devem ficar atentos o ano inteiro para combater o problema, que pode ser exacerbado pela presença de impurezas no ar e a limpeza inadequada da pele. 

Os tratamentos mais eficientes para fechar os poros, atualmente, são os peelings à base de ácido, luz pulsada e o laser de CO2 fracionado. Os primeiros promovem a descamação e a renovação celular, ajudando a reduzir temporariamente a produção de sebo. Já a luz pulsada, além de melhorar a aparência dos poros, também estimula a produção de colágeno. E o laser fracionado de CO2 é um tratamento mais potente, que atua tanto no colágeno subdérmico, como no relevo e coloração da pele.

Vamos falar um pouco de cada procedimento:

Os peelings químicos mais usados são o de ácido retinóico e o de cimel – que é uma fórmula composta pelos ácidos retinóico, salicílico e kójico, e vitamina C. Nesse caso, o paciente sai do consultório com uma “máscara”, geralmente cor da pele, que é retirada após seis a oito horas. Não provoca dor, apenas promove uma leve descamação, que dura em torno de três dias.

Com a luz intensa pulsada, o incômodo é um pouco maior, embora os novos aparelhos já possuam a ponteira resfriada, que minimiza bastante a dor. Após o procedimento, a pele fica ligeiramente avermelhada, e o paciente pode retornar às suas atividades habituais em seguida.

O CO2 fracionado já é um procedimento doloroso, por isso é realizado com uma anestesia tópica, e associado a uma medicação anti-inflamatória sublingual. O paciente deve ficar em casa durante os primeiros dias e evitar exposição solar por até um mês. Pode haver grande edema e vermelhidão. 

Em  todas as opções de tratamento, é comum ver melhora a partir da primeira sessão, embora na maioria dos casos, seja necessário manter a regularidade do tratamento para obter resultado a longo prazo.

Já em casa, é muito importante que a manutenção seja feita com a frequência e os produtos certos. É indicado lavar o rosto duas vezes ao dia, com água fria e sabonetes à base de ácido salicílico, enxofre e ácido glicólico, que limpam a pele, ajudam a reduzir a oleosidade cutânea e, consequentemente, a manter os poros fechados.

Curtiram as dicas? Eu amo cuidar da minha pele, é um momento só meu e que me dedico de verdade, quem me conhece sabe bem disso, é um assunto que adoro, por isso quero compartilhar com vocês todas as diquinhas que conseguir por ai, lembrando sempre que cada um tem um tipo de pelee precisa de produtos que sejam bacanas para a sua, por isso é super importante consultar um Dermatologista.

Love.

Bru

Dra. Marcela Studart:

– Centro Empresarial Barra Shopping: Av. das Américas, 4200, Ed. Buenos Aires, bloco 4, sala 112, Barra da Tijuca. Tel (21) 3385-4597.

– Ed. Fórum de Ipanema: Av. Visconde de Pirajá, 351, sala 1.121, Ipanema (21) 2267-7722.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: